Crescimento profissional com o uso de mad skills

Nos últimos anos, os processos de recrutamento e seleção ganharam uma nova roupagem. Além das habilidades técnicas (hard skills), as habilidades emocionais (soft skills) também moldaram o perfil ideal de profissional.

Agora, as mad skills são a nova tendência que agrega valor ao currículo e, mais ainda, contribui para o crescimento profissional. Com isso, para acertar na contratação, vários fatores devem ser considerados além do conhecimento técnico.

Ficou interessado em saber o que são as mad skills? Continue lendo este post para entender o conceito e como alinhar as principais skills à cultura organizacional e necessidades da sua empresa!

O que são mad skills?

Quem já participou de processos seletivos, seja como recrutador, seja como candidato, sabe que, de modo geral, existe um roteiro de perguntas sobre a experiência profissional e a vida pessoal, entre elas “quais são os seus hobbies ou o que você gosta de fazer no tempo livre”.

As respostas estão quase sempre associadas a alguma atividade prazerosa que envolve o uso da criatividade, da sociabilidade ou da sensibilidade. Essas são as mad skills, habilidades fora do contexto profissional, mas determinantes na formação da personalidade e, até mesmo, no desenvolvimento da carreira.

Exemplos de mad skills

A melhor forma de entender o conceito de mad skills é por meio dos exemplos, o que vai de acordo com os gostos e preferências individuais. Enquanto alguns gostam de praticar esportes radicais, outros preferem as aulas de instrumentos musicais ou até mesmo fazer parte de alguma banda.

No grupo das mad skills é possível encontrar os participantes de voluntariado, viajantes de fins de semana, chefs de cozinha amadores, fotógrafos e poetas. São muitas as alternativas que, embora façam parte dos momentos de descanso e lazer, podem ser muito úteis no ambiente de trabalho.

Entre as principais características das mad skills estão:

  • curiosidade;
  • paixão;
  • sagacidade;
  • criatividade;
  • facilidade de adaptação;
  • inovação;
  • raciocínio e aprendizado rápido.

Por mais que possam ser confundidas com as soft skills, as mad skills apresentam competências acima da média e nem sempre estão atreladas à profissão ou desempenho no trabalho.

São características que se somam para tornar um profissional único e altamente interessante para a empresa. A singularidade de talento faz com que seja viável investir em uma ou mais habilidades que ajudam nas atividades do dia a dia.

Mais do que salários, os profissionais talentosos desejam ter suas capacidades e desempenho reconhecidos. A empresa que consegue identificar esses diferenciais e investir terá de volta talentos engajados, comprometidos e com senso de pertencimento.

Por que considerar as habilidades extracurriculares no perfil de um talento?

Nas hard skills, as habilidades podem ser semelhantes entre os profissionais, já que a formação e conhecimento técnicos são adquiridos por meio de estudo e capacitação. As soft skills trazem habilidades inerentes aos seres humanos e podem, também, ser similares.

Já as mad skills tornam as pessoas mais especiais e diferenciadas, uma vez que em suas escolhas cada um executa de maneira bastante particular. Embora não sejam pré-requisito, são um plus na avaliação de perfis, podendo inclusive funcionar como critério de desempate e escolha dos talentos.

No caso de promoção ou mudança de cargo dentro da empresa, as habilidades movidas pelo sentimento e paixão podem fazer diferença. Um time de vendas ou de desenvolvimento de um novo produto precisa de gente com vontade, garra e foco nos bons resultados, tal qual um escalador de montanhas, por exemplo.

Como selecionar um profissional a partir das mad skills?

Sem um trabalho de observação ou até mesmo de questionamento direto nem sempre é fácil reconhecer as mad skills de um profissional. Nas empresas com mindset renovado, fundir a vida pessoal e profissional não será um problema se todos souberem usar suas capacidades em prol do sucesso do negócio.

É nesse contexto que as mad skills devem aflorar, para estimular em cada profissional o melhor de sua capacidade cognitiva, além da formação e comportamento. Esse tipo de habilidade pode ser valiosa para a empresa e para o plano de carreira, pois ajuda a colocar o profissional certo na vaga certa.

De nada adianta contratar um talento de formação excelente, mas com dificuldades de falar em público, se a principal função for ministrar treinamentos ou palestras para um grande número de pessoas, o que só estagna ou retarda seu crescimento profissional.

Por outro lado, alguém inquieto, com dificuldades de concentração, pode não ser adequado para uma atividade que exige silêncio e análise. As mad skills não servem apenas como distração pessoal ou bem-estar e podem influenciar, positiva ou negativamente, na performance de trabalho.

Alinhar essas habilidades extras com os valores da empresa é fundamental para evitar que, em algumas situações, o limite entre o pessoal e profissional acabe se misturando, a ponto de prejudicar o relacionamento e o andamento de um projeto.

O crescimento profissional está vinculado ao desenvolvimento das habilidades, aproveitando o que há de melhor em cada profissional. Cabe à gestão entender como funcionam as skills e estabelecer um ponto de equilíbrio entre o que a força de trabalho tem a oferecer e o que é melhor para a empresa.

Se você gostou deste post, aproveite para conferir mais um conteúdo, dessa vez com dicas de como formar bons profissionais para o mercado de TI e reter talentos!

Veja também:
Blog Escallo | Revolucione sua área de atendimento ao cliente Eleve a qualidade do seu atendimento com os conteúdos elaborados por nossa equipe de especialistas, estrategicamente projetados para impulsionar o seu atendimento. Acompanhe nossos conteúdos e revolucione seu negócio!

Sumário

Compartilhe

Assine a nossa newsletter.

Receba conteúdos e novidades do nosso blog gratuitamente.
Obrigado(a) por se inscrever em nossa newsletter! 😍
Prometemos enviar apenas o melhor conteúdo e manter você informado(a) sobre as últimas novidades.

Compartilhe

Assine a nossa newsletter.

Receba conteúdos e novidades do nosso blog gratuitamente.
Obrigado(a) por se inscrever em nossa newsletter! 😍
Prometemos enviar apenas o melhor conteúdo e manter você informado(a) sobre as últimas novidades.

Artigos

relacionados

O que é PDI, como funciona, sua importância para empresa e colaboradores, além dos benefícios da implementação.
Veja, neste post, como anda o mercado de tecnologia da informação e o que fazer para atrair, formar e reter os melhores talentos da sua empresa!
Quer saber como a empatia no atendimento ao cliente é importante, como e por que usá-la? Então, clique e comece a leitura deste artigo!
O que é e como funciona o feedback positivo, quais as vantagens e como implementar a importante ferramenta de gestão na sua empresa!